Lembrete – Envio do Movimento Financeiro

Escrito por em 28 de maio de 2012 Categorias: ,

“MOVIMENTO FINANCEIRO”

O mês já encerrou. 

Conforme Resolução do Conselho Federal de Contabilidade – CFC nº 1.255/09 é obrigatório para Pequenas e Médias empresas a demonstração financeira na contabilização das despesas/receitas das mesmas, portanto, lembramos que você já pode separar a documentação financeira (despesas e extratos) para nos enviar nas próximas visitas.

Não é necessário agendar visita, separe no malote o movimento financeiro que faremos a retirada na próxima visita.

ALGUMAS DICAS:

O movimento financeiro que é enviado para a contabilidade com a finalidade de confecção dos livros contábeis (Diário/Razão ou Livro Caixa) deve ser montado conforme as regras legais brasileiras para atender a contabilização, o controle dos recursos para compras e aquisições, gerenciamento e até mesmo a própria existência da empresa.

O departamento financeiro da empresa tem que estar ciente que se não enviar corretamente todas as informações para a contabilidade, esta não terá como fechar o mês/ano e por consequência não enviará para a empresa o resultado final deste trabalho. (Livros, balanço, balancetes e etc)

O departamento financeiro é o filtro para a contabilidade, toda e qualquer movimentação tem que ser baseada em documentos hábeis e toda esta movimentação tem que estar conciliada de maneira impecável. Lembre-se que a contabilidade não pode corrigir erros financeiros. Se você conciliou o movimento financeiro baseando-se em documentos, então é necessário enviá-los para a contabilidade em ordem cronológica, com os comprovantes de pagamento e com extratos bancários (mês completo).

Não é possível simplificar o funcionamento e as demonstrações de um departamento financeiro e contábil enviando por email os documentos ou colocando notas explicativas e detalhamentos no extrato. A contabilização das despesas deve ser feita através de documentos hábeis e extrato bancário enviado em papel. A empresa precisa buscar este conhecimento em cursos externos pois a contabilidade pode orientar algumas ações mas a empresa deve ter um conhecimento básico do funcionamento do departamento financeiro e da própria empresa.

Procure não enviar guias de impostos e encargos originais pagas (Darfs, Das, Gfip – Fgts, Gps – Inss e etc.) enviar apenas cópia para evitarmos extravios, ou até mesmo somente a impressão de pgto via bankline, acrescentando observações da competência/tipo de imposto ou encargo e para pagto em atraso discriminar valor principal e multas e juros separadamente. Fazer a guarda das guias e documentos nos seus devidos arquivos para demonstração ao fisco quando for necessário;

  • Procure não enviar despesas sem o extrato bancário completo emitido pelo banco;
  • Procure não enviar despesas de um determinado mês se não estiver completo (mês encerrado + extratos completo).
  • Tente criar um movimento financeiro completo de cada mês e só envie para nós quando o mesmo estiver completo (todas as despesas pagas do mês + extrato completo).
Circulares que trataram deste assunto, saiba mais.
 

Atenciosamente,

Ass Bel

Comentários estão fechados.