REAJUSTE SALARIAL – SINPRO/SIEEESP

Escrito por em 23 de setembro de 2021 Categorias:

Dissídio na educação básica está julgado.

Reajuste dos professores é de 6,29%

O Tribunal Regional do Trabalhou julgou, na tarde desta quarta-feira, 22, o dissídio coletivo dos professores da educação básica.

Foi determinado reajuste salarial de 6,29% e estabilidade provisória por 90 dias a todas as professoras e professores. 

O percentual é retroativo a 1º de março de 2021.

As demais cláusulas da Convenção Coletiva deferidas só serão conhecidas com a publicação da sentença que poderá levar algumas semanas para ser publicado e apenas desta forma será possível conhecer o inteiro teor da sentença.

Direitos coletivos

A divergência entre os sindicatos dos professores e as entidades patronais estava nas cláusulas econômicas (reajuste, PLR) e algumas cláusulas sociais.

Desta forma ainda não foi divulgado o percentual de PLR. Assim que a sentença for publicada informaremos o percentual de PLR definido.

IMPORTANTE:

Iremos fazer o processamento da folha de pagamento de setembro de 2021 com o reajuste de 6,29% e iremos apurar as diferenças salarias de 03/2021 a 08/2021.

Não existe nenhuma orientação da forma de pagamento das diferenças salarias. Iremos enviar o valor e a escola precisa determinar como será a forma de pagamento.

2 Comentários

  • Fabiana Telini

    Sigo o site de voces, pois publicam informações muito importantes. Parabéns pelo trabalho! Esse reajuste só vale para os professores da cidade de S.Paulo ou para todos as cidades do estado?

  • Equipe Emis

    Olá, obrigada! Este reajuste é para Sinpro São Paulo apenas.
    Att. Bel Urbano